Poder Executivo

Prefeitura de Ubatuba previne novas ocupações irregulares em áreas de risco e APPs

Prefeitura de Ubatuba previne novas ocupações irregulares em áreas de risco e APPs

A Prefeitura de Ubatuba já iniciou a demolição das antigas moradias das famílias que mudaram para o novo Conjunto Habitacional do CDHU, o Ubatuba G. Trata-se de uma ação conjunta da secretaria de Assistência Social, juntamente com a secretaria de Infraestrutura.

Além de serem locais inadequados para ocupação, como áreas de risco de desastres naturais ou de preservação permanente, a própria estrutura das antigas moradias apresentava perigo para os habitantes, visto que eram muito precárias.

É importante destacar que todas as famílias, no momento em que saíram de suas antigas residências, foram conscientizadas deste processo, inclusive, assinando um termo reconhecendo que o imóvel seria demolido assim que a mudança para o novo lar fosse efetuada.

De acordo com a secretaria de Assistência Social de Ubatuba, o objetivo é a desocupação definitiva dessas áreas, após garantir novas moradias aos contemplados pelo empreendimento do CDHU.

“As pessoas estão indo morar lá (no CDHU) e, paralelamente, já estamos fazendo a demolição da antiga moradia, principalmente, porque essas pessoas residiam em áreas de risco ou áreas de preservação ambiental, ou seja, locais que não deverão ser novamente ocupados. A demolição imediata evita que novas famílias se instalem no local”, explicou o secretário da pasta, Roberto Tamura.

Mais sobre o Ubatuba G

O empreendimento faz parte do Programa de Recuperação Socioambiental da Serra do Mar, que viabiliza o reassentamento de famílias residentes na Zona de Amortecimento do Parque, em área de preservação ambiental e de risco em núcleos situados no parque estadual da Serra do Mar, na região Norte do município, assim como nos bairros Sesmaria, Cachoeira dos Macacos e Vale do Sol.

O trabalho de cadastramento e análise foi feito pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU), em parceria com as secretarias de Assistência Social e de Habitação e a Defesa Civil.

Funcionario