Poder Executivo

Participantes da oficina de quadrinhos na Biblioteca de Ubatuba compartilham aprendizados

Participantes da oficina de quadrinhos na Biblioteca de Ubatuba compartilham aprendizados

A oficina de história em quadrinhos realizada na Biblioteca Municipal de Ubatuba terminou na última terça-feira, 10 de novembro. As aulas da oficina começaram no dia 1 de outubro, como parte das mobilizações do “Dia de Ler. Todo dia!” O último dia foi um momento de reflexão e compartilhamento dos aprendizados

Wagão, um dos alunos, destacou que a diferença entre criar uma história em quadrinhos e uma história apenas escrita é que as imagens ajudam a economizar palavras: “Quando comecei não tinha uma ideia fechada. O professor propôs pensarmos num argumento, ele falava do personagem, mostrou como desenhava o corpo e a gente praticava em casa. Primeiro a gente cria o argumento e o roteiro e depois temos que começar a produzir o roteiro pensando como vamos dividir a história dentro dos quadrinhos”.

No total, foram 24 horas de aulas, ministradas pelo artista plástico Cassio Zähler D’Ávila: “Todo mundo é criativo, mas quando se tem uma maneira fácil e rápida de se expressar, como é o caso de História em Quadrinhos, as pessoas se reconhecem e percebem esse potencial. O bom roteiro puxa um bom desenho e as técnicas possíveis são infinitas. Cada pessoa acaba por encontrar a técnica com a qual melhor se adapte”.

Cassio lembrou também que, para contar qualquer história, tem que responder às perguntas quem, que, quando, onde, como e por que: “Isso vale tanto para jornalista, quanto para quem cria quadrinhos também”.

“Os alunos da oficina utilizaram o acervo de histórias em quadrinhos da biblioteca como referência para o estudo dessa linguagem”, explicou Keila Redondo, bibliotecária responsável.

Ela convida toda a população a vir usufruir dos serviços da biblioteca e também a curtir a página no Facebook: https://www.facebook.com/bibliotecaubatuba

 

Funcionario
/* * VLibras */