Poder Executivo

Defesa Civil registra 205mm de chuva em menos de 24h em Ubatuba

Defesa Civil registra 205mm de chuva em menos de 24h em Ubatuba

A Defesa Civil de Ubatuba segue monitorando os índices pluviométricos de norte a sul do município neste domingo e acompanhando também as previsões de mais chuva forte para a cidade nesta noite.

A média dos 18 pluviômetros de todas as regiões, analisada a partir das 22h de sábado (19) até as 17h40 de hoje (20), indica que a região norte da cidade foi a que registrou maior volume de chuva, de 250 a 344mm, seguida pelos bairros do centro-sul com 145 e 246mm. A região central registrou um acumulado de 163 a 250mm e o lado oeste da cidade marcou de 180 a 213mm. Na região sul o índice ficou entre 107 e 163mm. No total, de acordo com o geógrafo da Defesa Civil de Ubatuba, Carlos Eduardo Silva, o município teve um acumulado de 205mm dentro do horário analisado.

A grande quantidade de chuva deixou o município em estado de alerta, causando o alagamento de diversas ruas, quedas de árvores e mais de 30 pessoas desabrigadas, que estão sendo assistidas na escola municipal Padre José de Anchieta.

A Defesa Civil alerta que é extremamente importante que pessoas que se encontram em áreas de risco redobrem a atenção, principalmente, os que residem em áreas de encosta ou beirada de rio. Em situações de alagamento, a recomendação é não atravessar os locais atingidos e nunca enfrentar enxurradas. A Defesa Civil pode ser acionada pelos telefones 199 ou (12) 3832-6604 ou (12) 3833-7270.

Desde o início das chuvas, todas as equipes da Defesa Civil estão nas ruas, juntamente com o Trânsito, Polícia Rodoviária e demais forças ligadas ao município, trabalhando para contornar os transtornos da chuva e monitorar a situação na cidade.

Ainda de acordo com a Defasa Civil, o recorde histórico de chuva em um único dia na cidade, (das 0h às 24h) é de 201mm para o mês março, ocorrido em 1998. A partir desta meia-noite, será feito um novo levantamento do dia inteiro de chuva, com possibilidade de bater o recorde de 98.

/* * VLibras */