Poder Executivo

Secretaria de Saúde alerta população para o combate à dengue

Secretaria de Saúde alerta população para o combate à dengue

Embora os casos confirmados de dengue estejam sob controle no município, a Prefeitura de Ubatuba, por meio da Secretaria de Saúde e do setor de Endemias, alerta os moradores para o cuidado na eliminação dos possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, Zika e chikungunya.

De acordo com o boletim informativo da Vigilância Epidemiológica de Ubatuba, divulgado nesta segunda-feira (25), o município registrou este ano 16 casos de dengue, sendo oito importados, e tendo ainda 35 pessoas aguardando o resultado de exames.

Entre as análises confirmadas, o bairro do Perequê-Açú registra três casos; Ipiranguinha dois; Itamambuca, Praia Grande e Ressaca registram um caso cada bairro e oito foram transmitidos em outras cidades (importados). Não há no município casos de zika e Chikungunya.

Guilherme Araújo, responsável pelas equipes de endemias, explica que a melhor forma de prevenção dessas doenças é eliminar água parada que pode se tornar criadouros do mosquito. “É preciso que a população mantenha a limpeza frequente dos imóveis e caixas d’água, não deixando água parada em pneus, vasos de plantas, garrafas ou outros recipientes que possam permitir a reprodução do mosquito. Como prevenção pessoal, intensificar o uso de repelentes e optar por roupas que minimizem a exposição da pele são medidas que evitam a picada do mosquito transmissor”, destacou Guilherme, lembrando ainda que as equipes estão constantemente realizando ações em diferentes bairros da cidade e vistoriando residências e comércios.

Em casos de suspeita da dengue, que incluem sintomas como febre alta, dores musculares intensas, dor de cabeça e ao movimentar os olhos, mal-estar, falta de apetite e manchas vermelhas pelo corpo, é fundamental procurar uma unidade de saúde para o correto diagnóstico.

/* * VLibras */