Poder Executivo

Defesa Civil de Ubatuba registra 375 atendimentos a ocorrências em 2022

Defesa Civil de Ubatuba registra 375 atendimentos a ocorrências em 2022

O ano de 2022 foi marcado pela ocorrência de chuvas intensas que ocasionaram diversas ocorrências, como alagamentos e deslizamentos de massa – o que exigiu atuação direta da Defesa Civil em conjunto com as demais Secretarias da Prefeitura e órgãos que trabalharam dando todo o suporte necessário.

Além dessa atuação, a Defesa Civil atendeu 375 ocorrências, como queda de árvore, vistorias e retirada de enxames.

Outro destaque do órgão foi a conquista de verbas para a realização de importantes obras. No bairro da Enseada, região centro-sul de Ubatuba, a ação visa evitar queda de barreiras e deslizamento de massas e foi executada uma a obra de contenção que custou R$ 1.348.816,14 e foi feita por meio de contrato via convênio federal.

Também está sendo executada a construção da Passarela Pênsil, no Rio Itamambuca, que dá acesso aos pedestres da Aldeia Rio Bonito, contando com 41 metros – o empreendimento contemplará uma estrutura de concreto, passarela com madeira e cabos de aço, com custo aproximado de R$ 320.348,29 e deve ser entregue até fevereiro de 2023.

No km 1, na Almada, estão sendo executados os serviços de contenção de talude e está em andamento a construção de muro atirantado. A previsão de término é até janeiro de 2023 e a obra é realizada com verba oriunda de convênio com o Governo Federal; Já no km 4, há um convênio estadual, e os serviços a serem executados são a construção de muro atirantado de encosta. Este trecho está previsto para iniciar em janeiro de 2023, assim que sair a ordem de início estadual. O convênio é de mais de 2 milhões de reais.

Atuação durante as chuvas

O órgão realizou um estudo sobre o impacto resultante da forte incidência de chuvas registradas no litoral norte do estado de São Paulo e litoral sul do estado do Rio de Janeiro nos dias 31 de março, 1 e 2 de abril de 2022.

Resumo:

O cálculo do prejuízo estimado referente ao município ultrapassou os R$ 16 milhões.

Nos três dias de precipitações acima da média, o município de Ubatuba registrou, em vários de seus pluviômetros, quase 600 mm de chuva que, somadas aos fortes ventos e ressacas marítimas, agravaram a situação em toda a cidade. Entretanto, as regiões norte e central foram as mais atingidas.

Foram atendidas 65 pessoas que ficaram desabrigadas, sendo 26 famílias alocadas em duas escolas municipais da região central e norte. Essas famílias obtiveram o fornecimento dos mínimos para alimentação e higiene de forma integral.

No desligamento das famílias da unidade escolar para o retorno a suas moradias foi repassado, como benefício eventual, um kit de alimentos (com leite e fralda para famílias com crianças) e um kit de higiene e limpeza.

Cálculo das despesas cabíveis ao município, somaram R$ 16.320.000,00 e, aos particulares, somaram R$ 186.000,00.

Números

Ao longo do ano, foram 375 registro de atendimentos conforme as demandas elencadas :

  • Vistorias com parecer e laudo de engenheiro/Geógrafo = 38;
  • Vistorias com orientação = 128;
  • Apoio PRF/DER/CCR = 97;
  • Apoio Neo Energia ELEKTRO = 129;
  • Apoio SMISP = 90;
  • Vistorias de Delizamento/Rocha = 45;
  • Interdição de Via por buracos, alagamentos e outros = 50;
  • Apoio Bombeiros na retirada de animais silvestres, queda de árvores e outros = 40;
  • Apoio Social retirada de famílias em situação de risco = 08;
  • Vistoria Conjunta com SMMA para autorização emergência = 30;
  • Apoio a SME para realização de poda ou supressão arbórea = 40;
  • Retirada de enxames: abelhas/marimbondos/vespa = 80;
  • Queda de árvores em rodovias/estradas/ruas/vias de acesso = 200;
  • Queda de árvores em residências/ muros/patrimônio = 120;
  • Queda de árvores em praia/rio = 30;
  • Vistoria de pontes = 05.

Mais ações

Participação, juntamente com a Diretoria de Trânsito, da semana de oficinas da Escola Estadual Profª Semiramis Prado de Oliveira, no Saco da Ribeira, realizando palestras e simulado de inundação, que faz parte do plano de contingência da escola;

Participação do “I Fórum Estadual de Boas Práticas e Defesa Civil” com o tema “Realidades diferentes, diversos desafios, um único objetivo: proteger os cidadãos”;

Participação no treinamento para coordenadores e agentes municipais das Defesas Civis do Litoral Norte promovido pela coordenadoria regional do órgão, juntamente com o Instituto de Pesquisas Ambientais (Ipa/Sima);

Participação no curso “Operação Chuvas de Verão”, promovido pela Defesa Civil do Estado de São Paulo, visando o treinamento dos agentes da Defesa Civil dos municípios de todas as regiões paulistas para atuarem preventivamente frente aos problemas típicos do verão;

Recebimento dos equipamentos adquiridos por meio de repasse de verba em 2021 , compondo kit completo para atuação mais eficaz da Defesa Civil do município. A emenda parlamentar para a aquisição do kit foi no valor de R$300 mil. O montante foi destinado para a aquisição uma viatura 4×4, bote inflável, kit de combate a incêndio, tenda, gerador elétrico e motosserra;

Promoção de encontros entre as secretarias estratégicas da Prefeitura de Ubatuba que formam o Plano de Contingência de Proteção e Defesa Civil- PCPDC   para alinhar a atuação durante o período de chuvas, caso necessário, reforçando o documento.

Arrecadação de doações para encaminhar à cidade de Petrópolis – cidade que foi assolada por fortes chuvas, inclusive, com vítimas fatais: mais de cem fardos de água, mais de 50 galões de cloro, 50 cobertores, colchões, cestas básicas, caixas de leite em pó e leite longa vida e itens de higiene pessoal.

 

/* * VLibras */