Poder Executivo

Estado de SP confirma caso de febre amarela e saúde reforça vacinação

Estado de SP confirma caso de febre amarela e saúde reforça vacinação

O estado de São Paulo acaba de confirmar um caso de febre amarela e a Vigilância Epidemiológica (Viep) de Ubatuba, vinculada à Secretaria Municipal de Saúde, alerta a população para que garanta a vacinação contra a doença. A notificação estadual já havia sido feita no início do mês, após um caso ter sido confirmado em Minas Gerais.

A proximidade com MG e o fato de Ubatuba receber um grande número de turistas durante a temporada de verão causam preocupação nas equipes de saúde. De acordo com a coordenadora da Viep, Alyne Ambrogi, as pessoas que não têm certeza que tomaram a vacina e que não possuem o comprovante de imunização devem se vacinar para garantir a proteção contra a febre amarela, principalmente os moradores que residem em áreas de mata.

“O caso confirmado no estado de São Paulo é de uma pessoa idosa, residente em área rural do município de Vargem Grande do Sul e sem vacinação. Já em Minas Gerais, segundo o alerta, a doença foi comprovada em um animal silvestre. A vacina é a principal ferramenta de prevenção e controle da febre amarela e precisamos da colaboração de toda população para evitar a propagação do vírus”, explicou Alyne.

A febre amarela é uma doença infecciosa febril aguda, causada por um vírus transmitido por mosquitos vetores e não há transmissão direta de pessoa a pessoa. A Vigilância Epidemiológica está monitorando as notificações de casos suspeitos da doença nas unidades de saúde do município e ressalta que a vacinação está disponível em todas as UBSs da cidade. Crianças e adultos devem se imunizar.

Entre os principais sintomas da doença estão febre, dor de cabeça e no corpo, vômitos, fadiga e fraqueza. Em casos graves, os sintomas podem evoluir para icterícia (coloração amarelada da pele e do branco dos olhos), hemorragia e até mesmo choque e insuficiência de múltiplos órgãos.

/* * VLibras */