Ubatuba avança no Plano Municipal de Turismo

Ubatuba avança no Plano Municipal de Turismo

Com a participação de 16 membros do Conselho Municipal de Turismo (CMT), os secretários de Governo e Turismo, respectivamente Alessandro Terra Palhares e Potiguara do Lago, respectivamente, realizaram uma oficina que aplicou a matriz GUT, que analisa gravidade, tendência e urgência, para cada projeto apresentado no plano de ação finalizado pela empresa Urbatec. O encontro aconteceu na sede da Secretaria de Turismo na tarde de quinta-feira, 16.

A próxima fase será o envio, por e-mail, da planilha GUT para o preenchimento pelos membros do CMT. Esta ferramenta medirá os graus de prioridades das ações contidas nos cinco eixos do Plano Municipal de Turismo, que são comercialização, infraestrutura, produtos turísticos, fortalecimento institucional e gestão ambiental. A finalização desta fase se dará com os apontamentos da ordem de execução e cronograma dos projetos, considerando as ações de curto, médio e longo prazos.

Após o encerramento, o documento será apresentado em uma reunião do CMT para, então, ser encaminhado à Câmara Municipal e exposição em Audiência Pública, seguida de aprovação.

O secretário de Governo considera que Ubatuba chegará a um planejamento que dará um rumo definitivo ao destino da cidade. “A GUT é uma ferramenta utilizada na priorização das estratégias, tomada de decisões e solução de problemas. Este plano, ordenado e organizado, potencializará ações e metas para o turismo, principalmente, na quebra da sazonalidade”, afirmou Palhares.

O plano de ação, alvo da matriz GUT, faz parte do processo de construção do Plano Municipal de Turismo que vem sendo desenvolvido há mais de dois anos. Na metodologia de trabalho, foram realizadas rodadas de oficinas com as comunidades. Já finalizado, o plano contém diagnóstico completo, inventário de toda a oferta turística do município, projetos e ações para o fomento do Turismo.

O secretário de Turismo, Potiguara do Lago, considerou bastante positiva a participação dos membros do CMT. “Nossa proposta de trabalho é participativa. Vamos fazer uma gestão onde todo o trade turístico esteja envolvido nas decisões dos rumos do setor. Minha primeira ação como secretário foi a retomada efetiva para a finalização e execução do Plano Municipal de Turismo”, finalizou.