Poder Executivo

Saúde recebe premiação estadual por trabalho contra transmissão vertical do HIV

Saúde recebe premiação estadual por trabalho contra transmissão vertical do HIV

A Secretaria de Saúde de Ubatuba recebeu o Prêmio Luiza Matida 2022 por ter eliminado a transmissão vertical do HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana), ou seja, o município não registrou nenhum caso de HIV passado de mãe para bebê ao longo deste ano. A premiação foi entregue nesta segunda-feira, dia 5, no Centro de Convenções Ibirapuera, em São Paulo.

Ubatuba ganhou destaque por ter eliminado a transmissão vertical do HIV, que pode acontecer durante a gestação, parto ou na amamentação. Para a coordenadora da Vigilância Epidemiológica do município, Alyne Ambrogi, o prêmio é fruto do trabalho e empenho das equipes de saúde em cumprir os protocolos de tratamento e prevenção do vírus.

“Todas as equipes envolvidas estão de parabéns pelo trabalho realizado na cidade, em especial os profissionais do Ambulatório de Infectologia que atuam mais diretamente nos casos. O objetivo do prêmio é multiplicar as experiências exitosas dos municípios do estado e estamos orgulhosos de fazer parte dessa premiação”, ressaltou Alyne.

A coordenadora enfatizou ainda que no município todas as gestantes são testadas para HIV no início da gestação e recebem acompanhamento durante todo o pré-natal.

O Prêmio Luiza Matida 2022 é do Programa Estadual de IST/Aids-SP em parceria com a Atenção Básica e o Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems) e foi entregue durante a 7ª Semana Paulista de Mobilização Contra a Sífilis e Sífilis Congênita.

/* * VLibras */